De acordo com o relatório emitido pela Comissão Distrital de Proteção Civil de Leiria na madrugada desta segunda feira, 18 de janeiro, registaram-se nas últimas horas 4 novos casos de infeção no concelho, o que fez subir para 963 o total de casos desde o início da pandemia; há 721 doentes recuperados, mais 6 que no dia anterior; há 24 vítimas mortais da doença e há menos 2 casos ativos, são agora 218.

Quanto ao distrito, há mais 154 pessoas infetadas, totalizando 13742 doentes desde o início da pandemia; registaram-se mais 2 vítimas mortais, 1 em Leiria e 1 em Óbidos, pelo que agora são 315 os óbitos no distrito atribuídos à COVID-19.

 

Houve 238 recuperações (9418 no total) e existem 4009 casos ativos da doença, menos 86 que no dia anterior.

 

É importante realçar que o relatório da Comissão Distrital volta a não ter atualizados os números da doença no que respeita aos concelhos do Agrupamento de Centros de Saúde Pinhal Interior Norte: Alvaiázere, Ansião, Castanheira de Pera, Figueiró dos Vinhos e Pedrogão Grande.

Nas últimas horas, o maior número de novos casos de infeção ocorreu no concelho de Alcobaça (55), seguido de Leiria (37), Nazaré (19), Caldas da Rainha (11), Peniche (10), Óbidos (7), Pombal, Porto de Mós e Marinha Grande (4 cada) e Batalha (3).

Já as recuperações ocorreram em Leiria (100), Óbidos (78), Pombal (32), Porto de Mós (10), Batalha (7), Marinha Grande (6), Caldas da Rainha (3) e Nazaré (2).

No que diz respeito aos casos ativos, o concelho de Leiria continua na frente, com 853, seguido de Alcobaça (791), Pombal (455), Caldas da Rainha (393), Peniche (314), Marinha Grande (218), Porto de Mós (161) e Nazaré (128).


Com menos de 100 casos ativos estão apenas os concelhos de Óbidos (96), Bombarral (68) e Batalha (67).

e-max.it: your social media marketing partner