Em nota de imprensa, a Direcção da Organização Regional de Leiria (DORLEI) do PCP refere que os últimos passos dados com vista à modernização e eletrificação da Linha do Oeste, “representam importantes conquistas das populações - e em particular das populações do Distrito de Leiria - e avanços na consolidação do caminho para a requalificação e valorização deste eixo ferroviário”

 

A DORLEI referia-se à inclusão, no Plano Nacional de Investimento 2030, do projeto de eletrificação do troço Caldas da Rainha – Louriçal.


O PCP recorda que “sempre defendeu a inegável importância da modernização da Linha do Oeste - como factor de desenvolvimento económico e social da região”, como “elemento estruturante de uma nova política de mobilidade para o Distrito de Leiria”, e como contributo para combater a poluição, ressalvando que “os avanços agora concretizados são o resultado da luta das populações que de forma persistente impediram o encerramento da Linha, lutaram contra as manobras que visaram a sua desvalorização e que sempre acreditaram que era possível avançar na [sua] recuperação, modernização e valorização”.

e-max.it: your social media marketing partner