Até ao final deste ano serão conhecidos os cabeças de lista do PS com vista às próximas autárquicas. Cidália Ferreira, que não se comprometeu quanto a uma eventual candidatura à Câmara após o anúncio de Paulo Vicente de que não será candidato, deu a entender que o atual presidente ainda possa alterar a sua decisão.

As afirmações da autarca foram proferidas em entrevista à Rádio Clube Marinhense, na última sexta feira, 16 de setembro, no âmbito do programa Pontos de Vista, conduzido por Carlos Carvalho e por Carla Fragoso.
A conviver diariamente com Paulo Vicente na Câmara, Cidália Ferreira afirmou que não ficou surpreendida com o anúncio do atual presidente de não se candidatar à presidência pelo PS, embora tenha assumido que ele seria o “candidato natural” e que o apoiaria “de corpo e alma”. “Há decisões que têm de ser respeitadas e que temos de saber aceitar. Eu respeito a decisão dele, mas futuramente não se saberá o que virá a acontecer”. “Foi uma decisão que ele achou que devia transmitir neste momento aquilo que pensa. Em termos futuros logo se verá”, acrescentou, frisando que, “certamente apresentaremos o melhor candidato. Alguém que será ganhador”.

Leia mais na edição em papel do JMG.

e-max.it: your social media marketing partner