A manhã de 25 de junho foi especial para a corporação de Bombeiros Voluntários da Marinha Grande que recebeu um importante apoio que a dotará de melhores condições de segurança no combate a incêndios florestais. O donativo foi entregue pelos proprietários do Intermarché da Marinha Grande, em dia de aniversário da loja

No passado dia 25 de junho, a loja Intermarché da Marinha Grande deveria comemorar 25 anos de existência. No entanto, e devido ao atual contexto de pandemia, a gerência resolveu assinalar, de novo, o 24.º aniversário para deixar, se possível, a festa para o próximo ano.

Contudo, em dia de aniversário os presentes foram direcionados para os clientes, que beneficiaram de promoções e descontos especiais, e também para os Bombeiros Voluntários da Marinha Grande que receberam cinco equipamentos individuais de combate a incêndios florestais.

Em declarações ao JMG, Tânia Cuco realçou que o donativo entregue aos bombeiros decorreu no âmbito de uma parceria que existe há vários anos através do Grupo Os Mosqueteiros e das insígnias Intermarché, Bricomarché e Roady.

A empresária recordou que os equipamentos de proteção individual foram entregues resultaram da campanha levada a cabo no ano passado que consistiu na venda do livro “Pafi ensina a poupar água”, que além de reunir fundos para equipar os bombeiros teve o duplo papel de sensibilizar as crianças para a necessidade de poupar água.

“Para nós é muito gratificante dar este apoio porque na realidade estas são as pessoas que nos ajudam quando temos alguma aflição. Os bombeiros são muito importantes e a responsabilidade não é só nossa, é de todos. Por isso tentamos criar formas para que toda a gente se possa sentir parte desta doação que estamos a fazer”, referiu a empresária.

Tânia Cuco adiantou ao nosso jornal que o apoio que o Intermarché tem vindo a dar nos últimos anos às coletividades do concelho e em especial aos Bombeiros “é para manter”, apesar da situação de pandemia em que vivemos, salientando que “sempre que precisamos eles estão lá, mas para isso precisam de alguém que os vá apoiando e dando alguma força e nós estamos cá para isso”. “Apesar de estarmos integrados num grupo nacional, os nossos clientes são os marinhenses e são esses que vamos sempre apoiar no que for necessário”, frisou a empresária.

“Era bom que outras empresas seguissem este exemplo”

À margem da cerimónia de entrega dos equipamentos, o presidente da Direção da Associação Humanitária de Bombeiros Voluntários da Marinha Grande considerou que esta doação representa, de certa forma, a ligação que há entre as empresas e a instituição, realçando o custo elevado destes equipamentos que a corporação tem vindo a renovar consoante as possibilidades.

Segundo Carlos Carvalho, o Intermarché “é a empresa que mais apoia os Bombeiros na Marinha Grande, contribuindo todos os meses com um determinado valor e proporcionando grandes descontos nas refeições e também descontos para os bombeiros”.

De acordo com o responsável, a instituição sofreu uma quebra “significativa” nas suas receitas, de cerca de 40 mil euros nos últimos meses devido à pandemia, e nomeadamente no que se refere ao transporte de doentes, que ficou impossibilitado de se realizar.

Carlos Carvalho explicou ao JMG que apesar da redução de receita as despesas mantiveram-se inalteradas, à exceção da fatura do gasóleo que baixou um pouco, mas acresceram despesas, por exemplo, com equipamentos de proteção individual que apenas dão para usa ruma vez e vão para o lixo.

O responsável lembra, a este respeito, a atribuição de um apoio suplementar por parte da autarquia mas teme que a situação se possa “complicar” em termos de gestão caso a atividade dos bombeiros não retome dentro da normalidade possível.

“Estes apoios são importantíssimos para nós e era bom que outras empresas, muitas que nem sequer são nossas sócias mas deveriam ser, tomassem este exemplo em atenção”, considerou Carlos Carvalho, que enalteceu ainda o trabalho dos voluntários e profissionais ao serviço dos bombeiros locais.

Ampliação no horizonte

Desde há três anos, quando adquiriram a loja Intermarché da Marinha Grande, que Ernesto Cunha e Tânia Cuco têm vindo a implementar um vasto leque de melhorias no espaço comercial, criando melhores condições aos clientes e aos colaboradores.

Segundo Ernesto Cunha, a loja apresenta hoje “uma imagem mais moderna e adaptada aos tempos atuais”, tendo sido inaugurada em dia de aniversário a nova esplanada, que “está maior, mais bonita e arejada tendo em conta a nova realidade” que se vive. Nas últimas semanas foi remodelada a fachada, as casas de banho e a cafetaria, que dispõe agora de uma decoração “mais jovem e fresca”, com o propósito de “ir ao encontro das necessidades dos clientes”.

Mas as melhorias não vão ficar por aqui, garante o empresário. “Há sempre muita coisa a fazer, muitas áreas a melhorar, e temos projetos que passam por uma ampliação da nossa loja. Temos esse sonho e muitas ideias que agora temos que maturar com os nossos parceiros e logo que haja possibilidade e capacidade financeira iremos fazê-lo seguramente, tendo em conta as necessidades dos nossos clientes e o feedback que nos vão dando diariamente”. “Não vamos parar”, afirmou Ernesto Cunha, acrescentando que “todos os meses vão aparecer pequenas surpresas, sempre com o foco nas necessidades dos nossos clientes”.

O responsável falou ainda sobre as medidas de prevenção da COVID-19 que têm sido implementadas, garantindo que haverá um reforço das mesmas com o objetivo de garantir a segurança de clientes e colaboradores.

e-max.it: your social media marketing partner