O Atlético Clube Marinhense está de regresso aos campeonatos nacionais. Quatro épocas depois de ter sido despromovido aos distritais, a equipa de Tógui confirmou no último domingo o título de campeão distrital e a consequente subida de divisão.

 A formação da Marinha Grande equipa de Tógui só dependia de si para alcançar a subida de escalão e, num Estádio  Municipal de Óbidos “pintado” das cores marinhenses, e venceu por 0-2, com golos de Carlos Oliveira e Cedric Jorge e deu assim início aos festejos que se estenderam à Marinha Grande, com o seu expoente máximo a acontecer na rotunda do Vidreiro.

O caminho do AC Marinhense não foi fácil. A equipa da Marinha Grande teve um início de campeonato muito irregular. As primeiras jornadas correram de forma positiva, mas com o passar das semanas os resultados deixaram de corresponder ao valor dos jogadores, o que acabou por custar o lugar a Luciano Silva no comando técnico da equipa. Estávamos então na 11ª jornada e o ACM ocupava o 7º lugar.

Leia mais na edição em papel do JMG