Marcelo Rebelo de Sousa foi reeleito na noite de 24 de janeiro, Presidente da República, com 60,7% dos votos (total nacional). No concelho da Marinha Grande foi também o candidato mais votado, alcançando 57,92%, correspondentes a 8666 votos, mais 2424 votos que em 2016

 

Ana Gomes ficou em segundo lugar (12,47%), e André Ventura em terceiro (10,37%). João Ferreira, apoiado pelo PCP, não foi além do 4.º lugar com 8,8% (1316 votos), seguido de Marisa Matias (4,97%), Vitorino Silva (2,95%) e Tiago Mayan Gonçalves (2,53%).

 

Marcelo Rebelo de Sousa venceu nas três Freguesias: em Vieira de Leiria obteve 61,29% dos votos, na Marinha Grande 57,19% e na Moita 61,68%. Aliás, o presidente reeleito venceu em todas as freguesias do país, algo que nunca se tinha verificado em Presidenciais.

 

Destaque na Freguesia da Marinha Grande para o crescimento da votação em Marcelo Rebelo de Sousa (mais 2023 votos que em 2016), e para a subida, ainda que pouco significativa, do candidato apoiado pelo PCP, João Ferreira, que conseguiu mais 33 votos que Edgar Silva nas Presidenciais de 2016. Marisa Matias, apoiada pelo Bloco de Esquerda, que em 2016 teve aqui 2027 votos, registou uma queda muito significativa ao alcançar agora ‘apenas’ 603.

 

Na Moita, o presidente reeleito conquistou mais 9 votos que n a sua primeira eleição, Marisa Matias passou de 72 para 23 votos, e João Ferreira somou mais 4 votos ao resultado do seu antecessor.

 

Em Vieira de Leiria, Marcelo Rebelo de Sousa conseguiu mais 302 votos que na eleição anterior, Marisa Matias perdeu 200 votos (passou de 317 para 117), e João Ferreira teve mais 7 que Edgar Silva há 5 anos.

 

Segundo os dados do Ministério da Administração Interna, dos 34224 eleitores inscritos no concelho votaram 15241, pelo que a abstenção foi de 55,47%, acima do registado nas Presidenciais de 2016 (50,49%), em que estavam inscritos 33842 eleitores e votaram 16754.

 

e-max.it: your social media marketing partner