626 milhões de euros foi o valor das exportações registadas em 2016 pelo setor de moldes nacional. De acordo com a Associação Nacional da Indústria de Moldes (Cefamol), o setor alcançou, com este resultado e pela quinta vez consecutiva, um valor recorde, ultrapassando pela primeira vez na sua história a barreira dos 600 milhões de euros.

Segundo a Cefamol, os 626 milhões de euros de exportações alcançados pela indústria de moldes e ferramentas especiais em 2016 representam um crescimento de 92% face a 2010, dados que caracterizam uma “indústria dinâmica, na vanguarda da tecnologia e da excelência, e que disponibiliza soluções inovadoras e integradas para o mercado global”.

Leia mais na edição em papel do JMG.

e-max.it: your social media marketing partner