Era natural da Marinha Grande a mulher que foi encontrada já sem vida, na manhã do dia 3 de dezembro, na Barosa, concelho de Leiria.

Elsa Carina Carvalho de Sousa Gabriel, de 34 anos, foi encontrada morta num pinhal na Barosa, junto às instalações de uma empresa de comercialização de componentes eletrónicos, cerca das 10h45 do passado dia 3. O alerta foi dado às autoridades, que mobilizaram para o local diversos meios, entre os quais a viatura médica de emergência e reanimação de Leiria e a PSP.

Segundo o JMG apurou, Elsa foi encontrada deitada no chão, ao lado de um automóvel, sendo que o seu corpo apresentava sinais de violência, pelo que se presume que tenha sido violentamente agredida até à morte.

Não são ainda conhecidas as causas da morte, contudo, e dadas as circunstâncias, a Polícia Judiciária de Leiria foi chamada ao local e está a investigar.
A jovem, que residia em Leiria, era natural da Marinha Grande, onde estudou e residiu durante vários anos com os pais e a irmã no Camarnal. As cerimónias fúnebres decorreram ao início da tarde de sexta-feira, reunindo muitos familiares e amigos da malograda jovem, que foi sepultada no Cemitério Municipal da Marinha Grande.

e-max.it: your social media marketing partner