A Escola Básica Guilherme Stephens foi palco, na manhã do dia 28 de outubro, das comemorações do Dia Internacional do Judo, com judocas de várias idades a demonstrarem alguns dos valores potenciados pela modalidade

 

A iniciativa foi dinamizada pelo Instituto Português do Desporto e Juventude (IPDJ), através do Plano Nacional de Ética no Desporto, e contou com o apoio da Câmara da Marinha Grande e do Agrupamento de Escolas Marinha Grande Poente.

Intitulada “Like aos valores”, a ação incluiu uma demonstração de judo, o lançamento da campanha “Não ao racismo no desporto” e a entrega da Bandeira da Ética ao Agrupamento de Escolas Poente, pelo seu projeto de promoção de valores éticos, no âmbito do Desporto Escolar.

O Secretário de Estado da Juventude e do Desporto, João Paulo Rebelo, realçou a importância da campanha “no combate a comportamentos que não queremos no desporto, seja do racismo, da violência, do jogo combinado, do doping, comportamentos e atitudes que não se compadecem com os valores do desporto, que são valores supremos onde reina a solidariedade, o espírito de equipa, o saber ganhar, o saber perder, o fair play… e é para isto que a campanha quer alertar e sensibilizar”.

A este respeito, o governante elogiou o trabalho que tem sido feito no concelho, quer pelo Judo Clube da Marinha Grande, com a bandeira da ética – “uma das formas de valorizar e de sinalizar boas práticas, onde os valores da ética estão acima de qualquer outro valor”, bem como ao nível do Desporto Escolar pelo Agrupamento.

Na Marinha Grande estiveram também o artista João Pedro Pais, na qualidade de embaixador do projeto #Beactive do IPDJ, os atletas paralímpicos Jorge Pina e Miguel Vieira, e a judoca Mónica Jorge.

Houve ainda oportunidade para o Secretário de Estado e para o recém-empossado presidente da Câmara da Marinha Grande, Aurélio Ferreira, entre outras personalidades, vestirem simbolicamente um quimono.

A sessão compreendeu também a graduação dos participantes no Projeto Judo4all, da Associação Portuguesa de Pais e Amigos do Cidadão Deficiente Mental da Marinha Grande, integrados no Projeto complementar do Desporto Escolar “DE +”, e a apresentação da Bandeira da Ética, através de uma demonstração com alunos mentores do projeto A(judo).

Presidente da Câmara pede apoio ao Secretário de Estado do Desporto

Seguiu-se, no Auditório da Secundária Calazans Duarte, a cerimónia oficial na qual o presidente da Câmara referiu que “a nossa população merece novas infraestruturas e, nesse sentido, apelo ao Senhor Secretário de Estado que inclua a Marinha Grande na sua lista de prioridades, no apoio a projetos tão prementes como a construção do complexo municipal de piscinas, de um pavilhão multiusos e do patinódromo. Precisamos de devolver aos atletas e praticantes de atividade física sem carácter competitivo a longa espera pela construção destes equipamentos”.

“Queremos envolver mais população, de todas as faixas etárias, em atividades de promoção do desporto e da saúde, porque estaremos a atuar na prevenção de doenças físicas e mentais e a construir uma sociedade mais saudável e feliz”, acrescentou Aurélio Ferreira.

O governante destacou os valores promovidos pelo judo, designadamente “a sinceridade, amizade, respeito e autocontrole, que contribuem para uma grande conduta de vida. O judo ensina a cair para depois nos erguermos”, apelando a que no desporto e na vida, seja repudiado o racismo e privilegiada a tolerância e o respeito entre todos.

Seguiram-se as intervenções de representantes de diversas entidades e também atletas, com destaque para Teresa Santos, aluna do desporto escolar, que falou sobre a importância da Ética, evocando o campeão mundial de judo Jorge Fonseca; e para Luís Carqueijeiro, também aluno e que abordou o Código Moral do Judo.

À tarde decorreu uma palestra motivacional com os judocas Miguel Vieira e Jorge Pina, moderada pelo jornalista da Judomagazine, Carlos Ribeiro, e jovens repórteres do judo dirigida aos alunos da Calazans.


e-max.it: your social media marketing partner