A Direção da Organização Regional de Leiria (DORLEI) do PCP manifestou, em comunicado, a sua “indignação e repúdio” pelas declarações da Diretora Regional de Cultura do Centro, Celeste Amaro, proferidas na semana passada durante a apresentação da programação do Leirena Teatro, “elogiando a falta de apoios do Estado às artes, nomeadamente às artes performativas, com expressões que denotam um profundo desrespeito pelo conjunto dos artistas, companhias de teatro e outras estruturas artísticas que com inúmeras e enormes dificuldades desenvolvem esforços notáveis para promover a cultura, a sua fruição e produção”.

Para a DORLEI, as referidas declarações “são inaceitáveis a todos os níveis”, pelo que o Grupo Parlamentar do PCP irá entregar um requerimento para “chamar Celeste Amaro à Comissão da Cultura da Assembleia da República para explicações sobre as suas declarações e confrontará o Ministro da Cultura com o conteúdo inaceitável e ilações políticas a retirar das declarações da Diretora Regional”.

A DORLEI expressa “o seu apoio e solidariedade aos artistas, companhias de teatro do Distrito de Leiria que, apesar do crónico subfinanciamento das artes, nomeadamente das arte performativas, desenvolvem um enorme e meritório esforço em defesa da cultura”.

e-max.it: your social media marketing partner