A lista do Partido Socialista, encabeçada por Cidália Ferreira, foi preterida nas Autárquicas de 26 de setembro e obteve 3658 votos (21,87%), menos 1282 votos que os registados há 4 anos e que deram ao PS, nessa eleição, a presidência do Município. Além de Cidália Ferreira foi eleita também Ana Laura Baridó

 


Instada pelo JMG para comentar os resultados eleitorais, Cidália Ferreira, que falhou a reeleição, respondeu desta forma:

“Tenho que dar os parabéns a quem ganhou. A democracia é assim mesmo. Respeito-a na íntegra e aceito os resultados eleitorais com toda a humildade como sempre vivi em dedicação à Marinha Grande. O povo votou, os votos são soberanos e portanto, a mim só me cabe aceitá-los com toda a dignidade e o orgulho daquilo que fizemos pela nossa terra, tudo o que o PS fez ao longo dos últimos mandatos. Preparámos muito para fazer neste próximo mandato, não seremos nós a dirigir a câmara mas certamente outras pessoas o farão e o farão no âmbito daquilo que são os projetos para o concelho, para todos os marinhenses.


Sempre me dediquei à terra com interesse por ela e acredito que aqueles que venham a ocupar este lugar farão exatamente a mesma coisa. Chegou o fim de um processo que conduzi com o maior dos orgulhos por esta terra, com o maior respeito por todos os marinhenses e assim continuo a respeitar a sua vontade. Hoje é um dia só para dar os parabéns a quem ganhou, outros dias virão para nós tratarmos dos assuntos que ficarão e que teremos de resolver a seguir. (…) Tenho consciência que quando dois movimentos se juntam somam votos. E tudo quanto são as campanhas que se vão fazendo ao longo dos 4 anos mais o reforço das campanhas que se fazem nesta altura, muitas vezes ditam aquilo que é o voto das pessoas.”

e-max.it: your social media marketing partner