O edifício dos Paços do Concelho da Marinha Grande está a ser alvo de obras de conservação.

Os trabalhos, que vão custar cerca de 70 mil euros, têm um prazo de execução estimado de 90 dias. Melhorar as condições gerais do edifício resolvendo os problemas de humidade existentes é um dos objetivos da empreitada em curso nos Paços do Concelho da Marinha Grande.

Na passada quinta-feira, no decurso da reunião do executivo, o presidente levantou as cortinas existentes por detrás da mesa de reuniões para mostrar o péssimo estado em que se encontra aquela parede. Segundo Álvaro Pereira, são várias as paredes do edifício que se apresentam em igual ou pior estado do que aquela que mostrou e que confronta com a Rua Machado Santos.

Leia a versão integral na edição em papel do JMG.

e-max.it: your social media marketing partner